sábado, 30 de abril de 2011

ELA


ELA

Amiga... Infelizmente.
Linda... Sorriso perpétuo em minha mente.
Carinhosa... Voz indescritível.
Penso... Penso... Penso...
É bom. É ruim... Ruim, pois, sinto falta.
Sinto falta dela. Falta do que não tive.
Falta do cheiro... Que imagino morangos...
Outras vezes chocolate...
Ou cheiro dela, cheiro de gente, dela,
De menina-mulher.
Ela é especial.
Não diria especial, diria, sem classificação.
Pois chegou...
Marcou.
Ela, sorridente...
Desejo.
Ela calada...
Desejo.
Ela, sem fazer nada...
É especial.
Ela, quem é ela?
Toma meus pensamentos...
Toma meus olhos...
Ela.

07.02.10

Carleial

Um comentário: